SABERES COMPARTILHADOS

download (1).jpg

Paulo Freire nos diz que não há saber maior ou saber menor, mas há saberes diferentes.

 

Neste espaço os trabalhadores e trabalhadoras dos grupos de economia solidária nos mostram como em suas práticas se manifestam processos de formação e troca de saberes que apontam para caminhos coletivos de superação das injustiças sociais.

SABERES COMPARTILHADOS MMD.png

Oficina  Produção de Sabão Artesanal

Nos dias 13 e 14 de setembro de 2022, Rita de Jesus e Sônia Silva, da Associação Mulheres de Mãos Dadas; e Francimar Fernandes, integrante da Diretoria da  Cooperativa Paraibana de Empreendimentos Econômicos Solidários (ECOSOL/PB), ministraram 2 (duas) oficinas sobre a produção de sabão artesanal, no Residencial Alvorada do Sul, em Colinas do Sul - João Pessoa/PB. A Oficina fez parte de uma parceria entre a ECOSOL/PB e a Companhia Estadual de Habitação Popular (Cehap), que ofereceu no período de junho a setembro, cursos de macramê, artesanato em crochê, confecção de sandálias customizadas, precificação, técnicas de vendas; e oficinas de produção de sabão artesanal, produção de brinquedos com materiais recicláveis e reaproveitamento de alimentos aos moradores desse residencial.

 

Participaram da Oficina de produção de sabão artesanal, 13 mulheres moradoras do Alvorada do Sul (de faixa etária entre 30 a 60 anos, desempregadas, mães de filhos em idade escolar e algumas responsáveis pelo cuidado de seus próprios pais), realizada no próprio condomínio, onde elas puderam aprender o processo de fabricação dos sabões em barra, em pasta e em líquido, de forma prática, já que se levou as matérias-primas para produção do sabão no espaço da realização da oficina, explicando detalhadamente cada etapa do processo de fabricação das três formas de apresentação do sabão.

 

A INCUBES, que participou das atividades através do projeto de extensão INCUBES: apoio e assessoramento aos empreendimentos econômicos solidários no âmbito da gestão, produção e comercialização (como convidada da Associação), contextualizou o tema, sensibilizando as participantes sobre a importância do descarte correto do óleo de cozinha usado, alertando para os perigos do descarte inadequado, apresentando alguns motivos para a reciclagem do óleo, entre outras informações. E também colaborou na produção de uma cartilha com a Associação, que foi distribuída entre as participantes da oficina.

 

No segundo dia da Oficina, algumas mulheres demonstraram o interesse em formar um grupo para que pudessem realizar como ofício as atividades que estavam aprendendo com os cursos e oficinas oferecidos pela Ecosol/PB, sendo a INCUBES consultada a respeito desse processo de formação de grupo. 

 

Com isso, percebe-se a importância do compartilhamento de saberes, com o intuito de  multiplicar técnicas e experiências que podem impactar de forma positiva na vida de outras pessoas, seja por sensibilizá-las para práticas sustentáveis, como também na disseminação de conhecimento com fins de gerar trabalho e renda.

SABERES DO FAROL DE CABEDELO

Curso de artesanato com escama de peixe 

Teresa Júlio, artesã da Associação dos Artesãos Farol de Cabedelo, esteve, entre os dias 08 a 12 de novembro de 2021, compartilhando saberes e aprendizagens sobre o beneficiamento de escamas de peixe para produção artesanal no município de Boqueirão - PB. O curso, com carga horária de 30 horas, contou com a participação de 19 artesãos, sendo 17 mulheres e 2 homens das Associações Crocheteiras do Marinho e MultiArtes. 

O município de Boqueirão, localizado na mesorregião da Borborema, possui o açude Epitácio Pessoa, responsável pelo abastecimento de água, como também criação de peixes e camarão. Assim, o curso vem a contribuir com a inserção dos resíduos da pesca, escamas de peixe, na produção artesanal e possibilitar mais alternativas no uso de matérias-primas locais pelos artesãos e artesãs.

Teresa foi convidada pelas Associações Crocheteiras do Marinho e MultiArtes, que em parceria com a Prefeitura do município conseguiu transporte, hospedagem e alimentação para que a artesã, que se disponibilizou de forma voluntária, realizasse o curso.

A atividade foi realizada sempre no período da tarde, com início às 13h30 e finalização por volta das 19h. Para Teresa, “a experiência foi muito gratificante, uma vez que foi inserida a utilização da escama do peixe da produção local, que se caracteriza pela criação de Tilápia, Carpa, Piau Preto, Piau Dourado, aliado às escamas de peixes oceânicos”.

Além dos conhecimentos técnicos pertinentes ao beneficiamento da escama do peixe, Teresa também deu destaque ao trabalho solidário e coletivo, na partilha do conhecimento, informações, experiências, compras coletivas, entre outros aspectos, que resultou na formação de um grupo no WhatsApp para viabilizar essas trocas entre os participantes. Uma outra experiência que está sendo vivenciada pelo grupo é o uso de plantas encontradas localmente, como arbustos Maria Preta e Alecrim do Campo, em substituição a materiais que teriam que ser comprados fora da região. 

Os artesãos e artesãs que participaram do curso mostraram-se bastante interessados e envolvidos com o processo de aprendizagem e, atualmente, já estão comercializando as peças produzidas. Nesse sentido, há expectativa de que haja outra oficina em fevereiro de 2022 com técnicas mais avançadas.

Teresa trabalha com escamas de peixes há cerca de 14 anos e junto com os demais integrantes da Associação dos Artesãos Farol de Cabedelo desenvolvem uma série de artigos, desde bijuterias a artigos de decoração, com matéria-prima adquirida dos pescadores artesanais locais, contribuindo assim também para a geração de renda desses trabalhadores. 

A prática de compartilhar saberes e experiências advindas do processo produtivo e de interação social é uma construção fundamental no fortalecimento do trabalho coletivo e inclusivo. Esse desenvolvimento proporciona novas aprendizagens, ampliando as possibilidades de criação, inovação e adaptação a outras realidades. 

A economia solidária enquanto movimento que busca um desenvolvimento social e econômico inclusivo e de superação das desigualdades sociais, ampara-se justamente no trabalho coletivo, na cooperação e solidariedade, não apenas no que diz respeito ao processo de produção, mas que se amplia para as relações entre os trabalhadores e trabalhadoras.

FAZENDO ACONTECER: ECOSOL-PB

SABER. C. 03.jpg

Além do espaço de comercialização a Cooperativa de empreendimentos econômicos solidários da Paraíba-Ecosol-PB e por entender que a partilha de conhecimentos ocorre quando há união de saberes, iniciou em 2019 rodas de conversas e oficinas de várias modalidades para seus cooperados e ao público externo. Esses momentos de vivências são promovidos pelos técnicos da própria ECOSOL-PB que trazem para a roda de conversa temas como consumo sustentável, solidariedade, produção coletiva, informações sobre a temática da economia solidária, cooperativismo e outros temas. São momentos para discutir e repensar na perspectiva da economia solidária no estado.

As oficinas artesanais oportunizam a formação, a geração de renda e promovem a autonomia dos atores sociais, seja no meio urbano ou rural, dentro da cultura da economia solidária.

No decorrer de 2019 aconteceu o projeto: Fazendo Acontecer - Resgatando Saberes – essa proposta teve como finalidade motivar a construção da autonomia dos empreendimentos solidários, da socialização de saberes e da reflexão voltada para a ação: o aprender fazendo junto com os outros. Criando um espaço de troca de saberes entre o público externo com os empreendedores solidários atuantes no espaço. Outro ponto importante no projeto é promover a divulgação de técnicas de artesanato no espaço fixo de comercialização dos empreendimentos econômicos solidários, que estão expostos na loja. Foram realizadas oficinas de: Bordado Livre, Arte em Retalhos, Sabonete artesanal, Virada da agulha (Técnica do patchwork), Flores em viés, Sacolas de papel Kraft, técnica da gravura.

Com as exposições em feiras e eventos proibidas devido à quarentena, as oficineiras se organizaram e iniciaram a nova modalidade em seus trabalhos, foi à confecção de máscaras para serem vendidas e outras doadas.

SABER. C.02.jpg
SABER.C. 01 ecosol.jpg

No São João Enlaces  também tivemos Saberes compartilhados!!!

Mandalas Juninas

Que tal aprender a confeccionar Lindas mandalas juninas para decorar sua casa?

Veja o passo a passo com a artesã Odaisa do Grupo Artesol e Maria Fuxico

Sacolas de Papel

 

Vejam o passo a passo com a artesã Socorro Cunha do Grupo Arte em Nós ( ECOSOL/PB

Saberes Compartilhados - Associação Mulheres de Mãos Dadas