Logo Catajampa.jpeg
enlaces_c_edited.jpg

CONTATOS:

  • Facebook
  • Instagram
124034.png

WHATSAPP: 55 83 988449711

Recicláveis_Catajampa.jpeg

A Associação dos Catadores e Catadoras de Materiais Reutilizáveis e Recicláveis de João Pessoa (Catajampa) foi criada no ano de 2012 e está situada no bairro dos Ipês/João Pessoa. A Catajampa é remanescente da Organização Não Governamental (ONG) Ação de Todos Organizados Socialmente (ATOS), que desenvolvia ações junto a diversas categorias de trabalhadores e trabalhadoras acompanhada pela  Pastoral Sagrado Coração de Jesus. Com a Lei nº 12.305/2010, os/as catadores/catadoras sentiram a necessidade de iniciar o processo de formalização enquanto associação para também participarem da gestão integrada de resíduos sólidos da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS). Além disso, têm suas atividades reconhecidas na Classificação Brasileira de Ocupações (CBO). Atualmente, participam da Associação 16 (dezesseis) pessoas, sendo 8 (oito) mulheres e 8 (oito) homens. A Catajampa realiza atividades de coleta, triagem (separação) e prensagem (compactação) de materiais recicláveis, bem como a coleta de materiais reutilizáveis - portões de alumínio, cadeiras de roda, cadeiras de banho, armários/balcões para demonstração de produtos etc - comercializando-os a um custo abaixo do valor do mercado. O intuito da comercialização desses produtos reutilizáveis, segundo a Presidenta da Catajampa, Egrinalda Silva, tem mais valor social que econômico, pois grande parte das pessoas que os procuram vive igualmente em situação de vulnerabilidade social e carência econômica.

Reutilizáveis_Catajampa.jpeg

Associação faz coleta nos seguintes bairros: Ipês, Mandacaru, Bairro dos Estados, Bessa, Tambaú, Intermares e Cabo Branco. Dentre os materiais recicláveis coletados pela Catajampa estão o alumínio, ferro, papel, plástico, vidro, papelão sendo o papelão e as garrafas pet os mais comercializados. Nesse sentido, percebe-se a importância da reciclagem na geração de trabalho e renda para os catadores e catadoras da Associação. Ademais, esses trabalhadores e trabalhadoras atuam como importantes agentes ambientais, promovendo uma ação educativa ao sensibilizar a população quanto à coleta seletiva, a qual possibilita um destino adequado ao tipo de tratamento que esses materiais exigem.

A Associação também recolhe o óleo de cozinha, usando-o na produção de sabão em barra e líquido. Dessa forma, agregam valor a um produto que poderia ocasionar ainda mais degradação de ordem ambiental, quando descartados de forma inadequada.

A Catajampa também recebe (e aceita) doações de materiais, sejam reutilizáveis ou recicláveis de grandes geradores (mercados e instituições governamentais ou não governamentais) e tem o seu próprio galpão como ponto de coleta para quem puder e quiser deixar os materiais na própria Associação